Bem-vindos ao canal EconoMirna. Hoje vamos falar como faturar até 100 mil
reais trabalhando de casa na Internet. E para isso temos um convidado especial
que é o Bruno.Se apresenta para o pessoal. Olá, pessoal. Aqui é o Bruno de Oliveira.
Mirna, obrigado pelo convite. É um grande prazer estar aqui com vocês.
Eu sou o fundador do e-commerce na prática e somos um canal e uma escola
de empreendedorismo focada em e-commerce. -Vendas pela Internet.
-O Bruno tem um canal no Youtube. Vou deixar um link aqui embaixo
onde ele explica tudo sobre e-commerce. Eu conheci o Bruno através desse livro
Crie seu mercado no mundo digital. Eu li o livro todo. Mesmo não tendo
e-commerce, eu gostei muito. E entrei em contato com o Bruno para vir
no canal explicar que é possível ganhar dinheiro com e-commerce através
da Internet e que não é complicado. E nem precisa de uma verba alta
para começar com uma loja física. -Não precisa.
-Como as pessoas podem entrar nesse mundo? -Quanto de dinheiro elas precisam?
-Estabelecer valores exatos é difícil. Mas vou contar como comecei no mercado
para você ter uma noção de que não precisa de muita coisa para começar. Eu comecei
no ano 2000 com 16 anos sem dinheiro. Eu queria ganhar dinheiro na Internet e vi
a oportunidade de vender coisas por ela e vi pessoas vendendo produto
de informática em sites na Internet. -Arremate.com. É da sua época?
-Não lembro. O arremate era um site de leilões
que foi comprado pelo mercado livre. Na época, foi esse site que usei.
Eu desmontei meu computador, tirei o gravador de CD e anunciei lá
e vendi depois de alguns dias. Lembro até hoje o valor. 135 reais. Com
esse dinheiro eu construí minha história no mundo do e-commerce.
-Você entendeu que podia ganhar dinheiro. Você pensa que precisa montar um site,
que é uma coisa complicada, mas você pode começar usando sites
de grandes plataformas. Na época que eu comecei era muito
mais complexo montar uma loja virtual. Hoje você monta uma loja virtual
com estruturas prontas de empresas. Você contrata, paga uma mensalidade
e já tem uma loja virtual pronta. -Mas dá para começar um passo antes.
-Prestem atenção. Usando o mercado livre? Também. Usando mercado livre, Whatsapp
e as redes sociais. Temos centenas de alunos vendendo muito
usando basicamente Whatsapp e Instagram. Depois que a pessoa conquista segurança
e regularidade vendendo nesses canais, aí ela pode criar uma loja virtual.
-Recapitulando o que o Bruno falou. Não precisa se preocupar se não tem
uma loja virtual porque você pode começar ganhando dinheiro igual o Bruno
vendendo um gravador de CD. Nesse momento,a chave virou e ele entendeu
que poderia ganhar dinheiro na Internet. Você pode anunciar nesses sites
e eles ficam com uma porcentagem da venda. No exemplo do mercado livre, sim.
Se você usar algumas estratégias para vender utilizando só redes sociais,
não tem nenhum investimento nisso. Só o produto que vai ser vendido. Além de usar essas grandes plataformas,
você pode usar sua influência nas redes. Instagram, Facebook, Whatsapp
e construir o próprio canal de audiência. Você vai usar não só seu perfil,
mas construir uma marca e uma audiência postando conteúdo regular e conectar
esse conteúdo com alguns produtos. E não precisa ser produtos badalados.
Pode ser um que o público tenha aptidão. Eu escolhi informática
porque era uma coisa que eu gostava. Se você gosta de moda, pode fazer parceria
com alguma marca para divulgar produtos e construir uma audiência com isso.
-Uma coisa importante que li nesse livro foi que se hoje você vende maquiagem
no Instagram, é importante gerar valor para as pessoas que estão lá.
Poste como passar o blush, a base. Dê conteúdo para as pessoas porque
elas não estão somente atrás do produto. Se você só divulgar o produto,
terá concorrência com grandes empresas. Essas grandes empresas ainda não
se atentaram que precisam gerar conteúdo. E às vezes nem têm uma estrutura
que possibilita fazer isso. Mas você que está começando em casa
e gosta de maquiagem, se você começar a ensinar as pessoas
a fazer maquiagem no seu Instagram, essas pessoas vão querer comprar
os produtos que você está usando. Elas vão perguntar sobre os produtos
e você pode vender isso no Instagram e futuramente construir uma estrutura
maior para amplificar esse negócio. Excelente. Com 16 anos você faturou
135 reais e o que aconteceu depois? Eu fiz parceria com um lojista local
e falei que queria vender gravadores. Eu tinha dinheiro para comprar um
e não para montar estoque. A cada venda que eu fizer eu compro aqui,
te pago um, você deixa outro reservado, eu envio e quando vender de novo
eu volto aqui e compro novamente. E assim fui fazendo. Tinha dia que vendia
2, 3 e eu ia lá comprar e enviava. Ele não gastou.
Por isso o negócio continuou andando. O problema é que tem pessoas que têm
o lucro e gastam e não fazem mais nada. Eu tenho uma analogia legal para isso.
Quando você está montando um negócio, você está plantando uma semente
e quer uma planta grande no futuro que vai te dar frutos e prosperar. As pessoas cometem o erro de quando nasce
a primeira folha elas já arrancam. A árvore morre e a semente não prospera.
Não pode acontecer isso. Pensando em e-commerce versos loja física.
Qual é a vantagem? Muita vantagem. Na loja física, você fica
limitado a atender apenas um bairro. Fica mais difícil de fazer publicidade
porque não dá para focar só na Internet. Tem que fazer publicidade física
que é difícil de mensurar. Se você anuncia num jornal de bairro,
como vai mensurar o retorno que isso deu? Na Internet dá para metrificar tudo.
No mundo físico não dá. Tem algumas particularidades.
Na Internet, você atende o Brasil inteiro. Com uma loja virtual com custos parecidos
você atende o Brasil inteiro da sua casa. E o que preciso fazer para montar
minha primeira loja virtual? A primeira coisa que eu recomendo aos
alunos é segmentar um nicho de mercado. Ele precisa se especializar naquele nicho
se ele já não for um especialista. Você precisa aprender sobre isso e com
o tempo você constrói uma estrutura viável para testar esse negócio porque você
não vai investir 100 mil reais em algo que você nem sabe se terá o retorno
que você espera e se seu o público alvo vai encaixar no seu negócio.
Então é preciso testar. Investir o mínimo possível para começar
a vender através do Whatsapp, Instagram e começar a se conectar com o público. Quando isso der certo, é uma minimização
de risco e você pode investir mais que esse negócio tem chance de prosperar.
Montar a loja virtual, aumentar o estoque, investir em fornecedores e buscar
recursos para investir no negócio. E aquele faturamento de 100 mil reais
por mês que todo mundo quer? Como faz para receber esse dinheiro
trabalhando em casa? Estamos falando de comércio.
Então se você fatura 100 mil, não significa que você vai colocar
100 mil no seu bolso todos os meses. Eu costumo falar para as pessoas que
esse dinheiro não é delas, mas do negócio. Por mais que o negócio seja seu,
você tem que ter o pro labore como dono, retirar um salário e no final
de um período você retira seu lucro. Na média, um negócio bem organizado
com custos bem controlados consegue uma margem
de lucro líquida de 20 a 25%. -Seria 25 a 30 mil reais por mês de lucro.
-Lucro líquido que sobra na conta. Já pagando o pro labore do dono
e as outras despesas do negócio. Dá para você começar até com a ideia
do Bruno. Hoje você tem quantos anos? -34.
-Olha quanto tempo se passou. Nessa época eu nem lembro
de usar a Internet. É quantos anos atrás? -18 anos atrás.
-Minha nossa. Pois é. Você pode começar vendendo coisas
que estão na sua casa. O que você acha? Se tem coisa entulhada na sua casa,
começa a desapegar. -Têm vários sites hoje de desapego.
-Com certeza. Como compra mercadoria sem dinheiro?
Vende as coisas da sua casa que não usa. O que não dá é ficar olhando para cima
e não começar porque não tem dinheiro. Tem que buscar soluções para essa vida.
Eu queria agradecer Bruno por vir no canal nos ajudar com esse tema.
Espero que você volte mais vezes. -O livro está em todas as livrarias?
-Nas principais livrarias do Brasil. Saraiva, Amazon e na Internet. Vale muito a pena para você que quer
começar nesse mercado e quem já vende. Leia para fixar o conteúdo
que é bem bacana. Um beijo para cada um de vocês
e até o próximo vídeo. -Se despede do pessoal, Bruno.
-Muito obrigado. Foi um grande prazer. Espero voltar mais vezes, Mirna.
Muito obrigada pelo convite. Eu estarei no canal do Bruno.
Link aqui embaixo na descrição. -Isso aí. Um grande abraço.
-Tchau. Dá o tchau. -Tchau gente.
-Isso aí.